Recomendaçons importantes para a XI Marcha às Cadeias 2017

16129849767_486950e929_b

Para facilitar a viagem e evitar qualquer problema com a Guarda Civil, fazémos-vos as seguintes recomendaçons: Levar o bilhete de identidade ou passaporte. Chaleque reflector, dos que se tenhem que levar no carro, como os que aparecem na imagem. Se nom tes, avisa que te proporcionamos um! Roupa de abrigo e para a chuva. Calçado e roupa de reposto. Comida e bebida, ainda que faremos paradas, os preços das estaçons de serviço som muito elevados. Bandeiras da pátria, das presas galegas, faixas… Gaitas, pandeiretas ou qualquer outro instrumento, como buzinas marítimas ou alto-falantes, etc., que poidam fazer ruido para que…
Read more

CÂMBIOS IMPORTANTES! Itinerários e horários definitivos da XI Marcha às Cadeias 2017

afiche-concentracion-xi-marcha-as-cadeias_mesa-de-trabajo-2

Com motivo dos recentes traslados dos presos independentistas Roberto Rodríguez Teto à prisom de Dueñas (Palencia), Eduardo Vigo a Aranjuez (Madrid) e Raul Agulheiro a Villabona (Asturias), vémo-nos na obriga de reprogramar itinerários e horários da XI Marcha às Cadeias 2017. Os itinerários e horários ficam do seguinte jeito: COLUNA NORTE 4:00 da madrugada saída de Compostela o sábado 4 de fevereiro, na dársena de autocarros de La Salle 6:00 parada em Lugo na estaçom de autocarros 9:00 chegada ao Centro Penitenciario de Villabona (Asturias), onde mantenhem afastado ao preso independentista Raul Agulheiro Cartoy 9:45 saída cara Dueñas (chegada aproximada às…
Read more

HORÁRIOS E ITINERÁRIOS PROVISIONAIS DA XI MARCHA ÀS CADEIAS

afiche-concentracion-xi-marcha-as-cadeias_mesa-de-trabajo-2

Partilhamos os horários e itinerários da XI Marcha às Cadeias. Desta vez, movilizámo-nos em 2 colunas, com 4 pontos de partida na Galiza: Compostela e Lugo (Norte) e Vigo e Ourense (Sul). COLUNA NORTE: Saída de Compostela o sábado 4 de fevereiro às 06:00, na dársena de autocarros de La Salle. Parada em Lugo às 08:00 (ponto ainda por concretar). Destinos: às 12:30, chegada ao Centro Penitenciario de Villanubla, onde mantenhem afastado ao preso independentista Roberto R. Fialhega Teto. Depois partiremos a Mansilla de las Mulas (chegada aproximada às 15:30), onde estam dispersad@s Maria Osório e Antom Santos. Neste ponto…
Read more

Raul Agulheiro entrega petiçom de traslado a umha cadeia em Galiza

raul2

Raul Agulheiro Cartoy, vizinho de Barreiros, vém de entregar, o 19 de dezembro, um escrito de petiçom de traslado à terra perante a “Dirección General de Instituciones Penitenciarias”. Raul foi detido na sua casa, em Compostela, em outubro de 2014. Nestes anos estivo em distintas cadeias: Soto del Real (589km), Mansilla de las Mulas (347km), Zuera (894km), e agora atopa-se na prisom de Estremera (a 676km). Só em 2016 familiares e amig@s de Raul gastamos a importante suma de 9071.45€ e percorrimos 75.726km, para estar com el tam só 40 minutos a través de um vidro, ou duas horas em…
Read more

Crowdfunding 2017: Rematar com a dispersom. Traze-las para a casa!

imagen-de-portada-concentracion-x-marcha-as-cadeias-01-01

http://www.verkami.com/projects/16703-rematar-com-a-dispersom-traze-las-para-a-casa Queremos contagiar-vos das nossas forças e ganas de levar-lhes todo isto o próximo 4 de Fevereiro, que nos acompanhedes, que colaboredes, que vos comprometades nesta luita. Umha das peças fundamentais deste projecto é material feito, precisamente, por um dos presos, Antom Santos. As recompensas seram os propios desenhos originais ou material feito com eles. A que destinaremos as vossas aportaçons A maioria do que consigamos com este crowdfunding (porque ímo-lo conseguir!!) está destinada aos gastos que conleva a organizaçom e o desenvolvemento da XI Marcha às Cadeias (como pagar os autocarros que trasladem às pessoas solidárias até os centros…
Read more

XI Marcha às cadeias, traiamo-l@s para casa!

XI Marcha

Mais um ano, em Que Voltem Para a Casa já estamos a aquecer motores, preparando-nos para levar-lhes a Antom, Teto, Eduardo, María e Raúl toda a nossa força e carinho; para ir berrar, bem alto e claro, às prisons onde as mantenhem afastadas que as queremos na casa. Vamos deixar-lhes bem claro que nom há distância nem muro que poida parar a nossa solidariedade. Os próximos 3 e 4 de fevereiro decorrerá esta Onceava Marcha às Cadeias; iremos dando mais informaçom sobre horários, itinerários e atividades solidárias q se vam desenvolver para que, de novo, a Marcha às Cadeias tenha…
Read more

(Comunicado) A cinco anos do encarceramento de Maria, Eduardo, Teto e Antom, QUEREMO-LAS NA CASA!

x-marcha-as-cadeias2

Nestes dias cumprem-se 5 anos das detençons e encarceramentos dos companheiros e companheira Maria Osório, Roberto Rodriguez, Antom Santos e Eduardo Vigo. Cinco anos incumprindo-se sistematicamente os seus direitos humanos e fundamentais, desde o momento mesmo das suas detençons. Cinco anos de denúncia também sistemática desde Que Voltem Para a Casa desta situaçom: das detençons incomunicadas em todos os casos, medida que segundo os organismos de Direitos Humanos das Naçons Unidas teria que estar proibida; do segredo de sumário sistematicamente aplicado às companheiras e companheiros detidas/os por motivos políticos, que debilita sériamente o seu direito à defensa efeitiva; do papel…
Read more

O FIES, regime de castigo aplicado às presas independentistas galegas

marcha-2

Que é o regime FIES? A comezos dos anos noventa, as protestas da poboación reclusa eran do mais frecuente, reclamando e exigindo, entre outras cousas, a milhora na sua calidade de vida, o cese das torturas e vejaçons às que se viam submetid@s, a excarcelaçom de pessoas enfermas em estado terminal, etc. É neste contexto de motíns e protestas que Instituciones Penitenciarias crea o regime FIES, Ficheiro de Internos de Especial Seguimento, para “controlar” @s pres@s que consideraba “conflictiv@s e inadaptad@s”. Que implica ser umha presa ou preso FIES? As presas e presos independentistas galegos estam submetidos a este regime…
Read more

Roberto Rodríguez entrega petiçom de traslado a umha cadeia em Galiza

teto

No día de hoje, 23 de novembro, o vizinho de de Vigo, Roberto Rodríguez Fialhega Teto, vém de entregar um escrito de petiçom de traslado à terra perante a “Dirección General de Instituciones Penitenciarias”. A Teto detiverom-no em dezembro de 2011 numha operaçom contra o independentismo que rematou com seis pessoas detidas, das quais quatro forom encarceradas, umha posta em liberdade sem cárregos, e outra posta em liberdade com cárregos que depois forom retirados. Nestes anos estivo na prisom de Estremera (a 676km) e actualmente atopa-se na de Villanubla (427km). Atopa-se num módulo de isolamento, completamente só desde meiados de…
Read more

Antom Santos entrega petiçom de traslado a umha cadeia em Galiza

AntomSantos1-624x885

No día de onte, 20 de novembro, Antom Santos Peres vizinho do concelho de Teo,  fixo entrega de um escrito de petiçom de traslado à terra perante a “Dirección General de Instituciones Penitenciarias”. Antom foi detido em dezembro de 2011 junto com a sua companheira Maria Osorio, e outros dous cidadáns galegos: Roberto Rodríguez e Eduardo Vigo. Todos eles forom encarcerad@s e dispersad@s em cadeias a centos de kilómetros da terra. Actualmente atopa-se na prisom de Mansilla de las Mulas, a 347km, mas em cinco anos conheceu diversas cadeias: Aranjuez (650km), Dueñas (476km), etc. Neste ano 2016, familiares e amig@s…
Read more